Cumplicidades

Há palavras que nos beijam, Como se tivessem boca. Palavras de amor, de esperança. De imenso amor, de esperança louca...

terça-feira, agosto 03, 2004

Brisa

Sou Brisa quando te sonho...

Às vezes quando adormeço e tu me preenches os sonhos,
Acho que eu própria me embalo vendo-me abraçada a ti.
Invariavelmente, enches-me de beijos e a tua boca
Ao percorrer-me a face, provoca-me pequenas cócegas.
O teu murmurar doce deixa-me num êxtase infinito.
Sinto então que perco matéria e me desfaço lentamente,
Como que deslizando à tua volta envolvendo-te em anéis subtis
Que fazem esvoaçar o teu cabelo, levando comigo
As últimas palavras que pronunciaste
E os derradeiros beijos que me deste...

Maria




As faces de teu pensamento
já são minha morada,
mesmo sem sorrisos eternos
mesmo com a vida calada.
Mas sei
que segredas teus sonhos,
que vives meus dias
e tudo que fora promessa
é brisa...
Brisa de encontros serenos
de muitos silêncios
sem palavras,
apenas um estranho silêncio
ouvido até
nas mais doces melodias

Lourreine Beatrice


47 Comments:

Blogger IceBlackIce said...

"O Homem sonha e a obra nasce" ... que todos os teus sonhos se tornem realidade. Que tu a tornes tão bela quanto estas linhas. Beijo.

8:52 da tarde  
Blogger frog said...

OLá Maria!
As palavras... sim, ao ritmo se sentimentos e desejos que teimam em permanecer silenciosos. Saudades. Beijos...

8:58 da tarde  
Blogger sandra said...

Minha amiga cada vez gosto mais de ser tua amiga, cada vez gosto mais de ler teus textos!Adorei este!
Na minha opinião este texto tem algo a ver com o outro, fala das lembranças mas desta vez fala-nos de palavras ditas, de beijos dados...de algo que passe o tempo que passar dificilmente nos esqueceremos do que foi bom e do que nos fez sonhar!
Beijinhos amiga!

9:18 da tarde  
Blogger lique said...

Ser brisa de muitos silêncios ou ser brisa percorrendo o corpo amado. Belos os dois poemas, Maria. Beijinhos

9:21 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Maria: a brisa, o ar, ambos nos dois poemas. O que se tem e o que não se tem. Mas sonhar é preciso...Bela imagem. beijos*** wind

9:28 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

eu me deixo envolver na tua brisa.
a brisa que as tuas palavras trazem, uma lufada fresca de texto, de sentimentos que se transmitem na beleza da escrita.
deixo-me envolver pelo beijo do carinho, da amizade, e das palavras que proferes na mais bela escrita que os olhos podem ler.
beijos

paulo povoa
http://frasesepoemas.blogs.sapo.pt

9:46 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

ICE: Muito obrigada, desejo também que todos os teus sonhos se realizem... Beijo

10:27 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Albino: teimam em manter-se silenciosas, por entre ruidosos pensamentos... As mais belas palavras são ditas no silêncio de um olhar... Beijinhos

10:30 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Sandra, minha linda menina, claro que tem, o Sentir é o mesmo, não existe outro... Beijinhos

10:31 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida Lique: Apenas Ser... Beijinhos

10:31 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida Wind: No sonho vive-se, nele tudo é possivel... tal como é torna-lo numa realidade, o amor não se vive de impossiveis.. E se o for, pelo sonho, pelo acreditar, pelos sorrisos, já terá valido a pena... Beijinhos

10:34 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Paulo: um beijo enorme para ti, Obrigada pelas tuas belas palavras...

10:35 da tarde  
Blogger Emilio said...

Maria, não se torne brisa! Precisamos de si aqui bem material, bem apaixonada para podermos saborear as suas explosões de sentimentos. :)Beijos.

11:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Novo Blog de Aventuras!

www.camaradachoco.blogspot.com

11:03 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

os beijos. e as cócegas. um dia. saberão melhor. e serão para sempre.

a espera. permite a esperança. e sem esperar. um dia. tudo o que desejas. para ti. há-de aparecer.

eu sei.

abraço. maria

João

os dias das noites

11:39 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Agora é mais fácil passar por aqui, sempre com prazer e gosto. Vim do porviseu, que recomendou esta linda visita. Gostei e voltarei.

12:13 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Vim te ler um pouco... JAC Local Imperfeito jac.blogs.sapo.pt

12:28 da manhã  
Blogger c.b. said...

a brisa... quando uma brisa nos diz coisas, e nos faz lembrar de que somos feitos das recordações... quando a brisa é capaz de nos ler pensamentos e de os tornar vida, vida de momentos e paixões, amores e sofrimento, saudade e toques e odores que nos ficam... nos ficam remoendo cá dentro alegrando-nos ou nos entristecendo... vivemos dos sonhos que temos sobre passados que tivemos e sobre o futuro que desejamos, desejamos ter... é bom desejar, desejar a vida em frente, porque outros momentos intensos virão sempre com a brisa ao de leve nos marcando, nos abanando, nos envolvendo nela e nos tornando parte dela.
Bjos***

1:53 da manhã  
Blogger Lapis de Cera said...

Deixo-te um bocadinho de uma outra brisa, ou, quem sabe, a mesma...

".../...
Verto transparências
Sobre rochedos que encordoei,
Formando um chão
Em tons de violeta.
Encho búzios
Com sopros de vento,
Com sussurros de brisas,
E continuo,
Até moldar o céu…


Vejo mil grãos de areia
Esquecerem-se pelas minhas mãos
Formando dunas,
Falésias prateadas,  
Quais grutas
Com paredes de concha
E tectos de madrepérola…
.../...
"
Beijo, e, continua a ser Brisa, sim!
Cris
http://palavrasdealgodao.blogs.sapo.pt

5:55 da manhã  
Blogger Joao said...

Bom dia Maria. Um óptimo dia para ti. Venho cá muitas vezes, embora quase nunca comente. Beijinhos.

(Memorial)

9:23 da manhã  
Blogger rfarinha said...

E é tão bom amar e ser amada assim... ;) Bjs

10:13 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Brisa, sonhos, quanta delicadeza e quanta ternura. Lindo demais Maria.

Beijos
Marcia - http://www.lendoesonhando.blogger.com.br/

11:55 da manhã  
Blogger Alma said...

Sou brisa quando te leio :) Maria adorei !!! Beijinhos e um Excelente Dia

Nada ao Acaso (http://alma01.blogs.sapo.pt)

12:33 da tarde  
Blogger Anjo Do Sol said...

Senti a brisa que fez balançar levemente os meus cabelos.
Então, eras tu. Trouxeste as palavras num sussurro e sorri ao ouvi-las.
Gostei de sentir a Brisa.
Muitos beijinhos, amiga

12:55 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

ai, as cócegas do amor!... quem lhes pode resistir?!...

beijos, querida amiga!

DonBadalo

2:49 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

dentro do teu sonho: eu

3:27 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

As férias estão a acabar e as visitas a este espaço vão recomeçar.
Se não me enganar é certamente o que vai acontecer.
Um grande abraço,

vmar

7:44 da tarde  
Blogger MWoman said...

Bonitas as tuas palavras como sempre, Maria, assim como as escolhas que fazes de outros autores.Beijos e até breve...

7:47 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

A capacidade de sonhar, Maria, e que a Brisa te abra o caminho para a realização plena. Bela. Obrigada pelas tuas visitas, pelos teus tão gentis comentários, minha cara. Peço imensa desculpa pelo tempo escasso que tenho tido para ver os blogues cativos. Bj

8:45 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

A capacidade de sonhar, Maria, e que a Brisa te abra o caminho para a realização plena. Bela. Obrigada pelas tuas visitas, pelos teus tão gentis comentários, minha cara. Peço imensa desculpa pelo tempo escasso que tenho tido para ver os blogues cativos. Bj, Lia
http://textosecenas.blogs.sapo.pt/

8:46 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Emilio: A brisa que existe em mim, é o próprio amor... Beijinhos

9:11 da tarde  
Blogger ccc said...

olá querida Maria, finalmente tenho um bocadinho para ler com calma as tuas palavras. Como é que consegues escever sempre?? não consigo... beijo

9:12 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

João: A brisa envolve-se em esperança, alimenta-se dela para se voar... Obrigada. Beijinhos

9:13 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Jac: Obrigada pela tua visita é um prazer receber-te neste meu cantinho... Beijinhos

9:14 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Carlos, espero que esta Brisa, o consiga, que ela torne numa realidade todos os seus sonhos, ou apenas alguns, sabes, ela é uma sonhadora :) Beijinhos

9:17 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida e Doce Cris, como sempre encasta-me com as tuas palavras. Lindo Poema, como são todos os que te leio. Muito obrigada. Um beijinho enorme para ti...

9:18 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

João: obrigada pela tua visita, uma noite muito feliz para ti, beijinhos

9:19 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Ridufa: é muito bom amar assim, amar assim é viver, é Ser... Muitos beijinhos

9:20 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida Marcia: Obrigada pela tua visita e doces palavras. Beijinhos

9:21 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida Alma: então voa-te comigo... ;) beijinhos

9:22 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Doce Anjo, A brisa por entre as palavras que te segreda sorri-te.. Beijinhos

9:23 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

DonBadalo, e não é bom deixarmo-nos levar pelo amor, eu não lhe resisto.. :) beijinhos

9:25 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Vmar, Espero pelo teu regresso... Beijinhos

9:26 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

MWoman: Obrigada. Desejo-te umas excelentes férias, beijinhos

9:27 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida Lia Obrigada, o prazer em visitar-te é todo meu. Beijinhos

9:28 da tarde  
Blogger Maria Branco said...

Querida CCC: Faço-o por prazer, sinto essa necessidade.. Beijinhos

9:30 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

o que eu estava procurando, obrigado

3:43 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

actualizações de weblogs portugueses